Pele, o órgão mais extenso do corpo humano. (parte I)


Photo by Nathan Nurrows on Unsplash

A pele chega a representar 16% do nosso peso e é o órgão mais extenso do nosso corpo. No entanto a pele é muito mais do que uma superfície, ela tem funções extremamente importantes:

- Ajuda a regular a temperatura do nosso corpo;

- Protege o organismo do que nos rodeia e de possíveis invasores (bactérias e vírus),

- Excreta e absorve substâncias;

- Sintetiza vitamina D (sim, existem vitaminas que podem ser sintetizadas no nosso corpo!)

É também um importante órgão sensorial, através do tacto, detectamos sinais que nos permitem ter a noção da temperatura, do movimento, da pressão, da dor ou do prazer. Mas ao ser um órgão visível, requer duplos cuidados, externos e internos.

O bom estado da pele (e também das unhas e do cabelo), é também um reflexo da nossa alimentação e não só dos cremes que aplicamos. O que ingerimos, e a qualidade daquilo que ingerimos, é essencial para manter ou adquirir uma pele saudável (salvo raras excepções que têm uma herança genética incrível e que podem comer de tudo sem ficar com uma única borbulha! )

O que devemos fazer:

- Beber água! (a hidratação da pele começa pelo interior e não pelos cremes...)

- Ingerir alimentos ricos em fibra para favorecer as eliminações intestinais, é fundamental que o intestino esteja a funcionar adequadamente para que a pele esteja saudável. ( Sabia que na Medicina Tradicional Chinesa o Intestino Grosso e a Pele estão interligados e pertencem ao mesmo elemento, o Metal?)

- Fazer uma alimentação correcta e diversificada, de forma a obter todos os nutrientes necessários para o bom estado da pele: zinco, vitaminas A, C, E e as do grupo B, aminoácidos essenciais, ácidos gordos polinsaturados (ómega 3 e ómega 6), enxofre e selénio.

- Dormir bem e as horas adequadas.

- Relaxar, o stress influencia o estado da pele e do cabelo.

- Fazer uma depuração hepática duas vezes ao ano (Primavera e Outono) para que o fígado não esteja saturado e elimine correctamente, isto é essencial para evitar problemas de pele, sobretudo de origem alérgico.

- Optar por produtos de beleza com ingredientes naturais (cremes, máscaras, leites de limpeza, etc.) e sem aditivos químicos.

- Limpar a pele e retirar a maquilhagem antes de dormir. (Sim... ainda que não apeteça nada e o sono seja imenso, devemos desobstruir os poros!)

- Esfoliar a pele ou utilizar uma escova seca para massajar a pele. (A segunda opção é a minha favorita, para além disso activa a circulação e ajuda a prevenir a celulite.)

- Permitir a pele respirar, utilizando tecidos de algodão ou outro material natural.

- Apanhar ar fresco todos os dias e pelo menos um pouco de sol.

X O que devemos evitar:

- Álcool, é uma das principais substâncias que levam à desidratação da pele.

- Tabaco, conduz a um envelhecimento precoce, a manchas e a rugas prematuras.

- Exposição excessiva ao sol.

- O consumo excessivo de açúcar e gorduras saturadas, não só são prejudiciais à saúde como contribuem para uma pele problemática. Comecemos pelos doces: o nosso corpo produz insulina cada vez que consumimos açúcar ou hidratos de carbono, quando o fazemos em excesso, há um nível elevado de insulina a circular no sangue, que por sua vez está relacionada com o agravamento do acne. Ao reduzirmos o consumo de açúcar e alimentos com um elevado índice glicémico (ou seja, alimentos que levam o corpo a produzir altas quantidades de insulina) estamos a reduzir a probabilidade de que as incómodas borbulhas apareçam. Quanto às gorduras saturadas, deverão ser evitadas porque promovem a inflamação.

- Lacticínios. Alguns estudos demonstram uma ligação entre diversos casos de acne e o consumo de lacticínios, uma vez que afirmam que o leite contém hormonas que alteram o equilibrio hormonal no nosso organismo. A maioria dos estudos refere que o consumo excessivo de leite na adolescência (1) (2) - em ambos sexos - pode ser um dos factores que induzem à estimulação das glândulas sebáceas da pele a produzirem mais óleo.

- Detergentes/sabonetes que alterem o pH da pele.

- Tomar banho com água demasiado quente.

- A exposição a alergénios ambientais ou alimentares. Tenha em conta que existem alimentos que causam reações alérgicas, o que pode interferir com a sua pele/cabelo. Tenha atenção à sua alimentação, e observe qual os alimentos que lhe podem causar alergias ou piorar o estado da sua pele.

Na 2ª parte deste artigo irei falar sobre os nutrientes essenciais que devemos ingerir diariamente para o bom estado da pele, assim como as substâncias nocivas que devemos conhecer e deste modo evitar nos produtos de higiene e beleza.

(1) https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/17083856

(2) https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/18194824

Se quiseres saber mais sobre as consultas de Naturopatia,

envia-me um email para: mariajoao@espacovida.net


49 visualizações

Subscreva a NEWSLETTER e receba gratuitamente o meu eBook:  "Dicas de uma naturopata para uma vida saudável e feliz."

Se preferir, ligue para

marcar consulta ou mais

informações.

Dias úteis das 10h às 16h.

 

    919 057 881

OUTROS CANAIS

  • Instagram
  • Pinterest

MARCAÇÕES

©Naturopatia by Maria 2020

Espaço Vida Natural
Rua Dr. Teófilo Braga

N.º 20, 2º Esq.
2670-480 Loures

mariajoao@espacovida.net

CONTACTOS