Como fazer óleo de Calêndula

Atualizado: Abr 10




Ao contrário do que possamos pensar, o óleo de Calêndula não é extraído da planta, mas sim o resultado da maceração da planta em óleo. Ou seja, podemos perfeitamente fazê-lo em casa! É muito fácil e fica muito mais económico do que comprar já feito.

As calêndulas (também chamadas de maravilhas) são plantas herbáceas, nativas da Europa Meridional, muito cultivadas para fins ornamentais, devido às suas belas flores cor de laranja.




“A intensidade da cor laranja das suas pétalas atrai e seduz os nossos olhos, transmitindo alegria, força e vitalidade, uma cor quente relacionada com a vida e com o segundo chakra, não sendo uma casualidade que um dos seus efeitos terapêuticos seja a regulação do ciclo menstrual. Em Espagíria vegetal, esta planta está relacionada ao Sol e com a frequência da luz laranja.”

Palmira Pozuleo - Farmacêutica Naturista





Propriedades e principais aplicações cosméticas:


  • Acção anti-inflamatória: útil em arranhões, feridas, e pele inflamada e seca

  • Acção anti-fúngica: pé de atleta.

  • Regeneradora do tecido cutâneo: queimaduras solares, pele irritada, feridas, hematomas

  • Cicatrizante: mamilos gretados (neste caso usar óleo de calêndula que tenha como base.azeite ou outro óleo comestível), eritema da fralda.

  • Acção “calmante” e suavizante da pele.



O que precisamos:


  • Calêndula seca (encontram em ervanárias ou lojas de produtos naturais).

  • Óleo vegetal (azeite, óleo de amêndoas doces ou outro)

  • 1 frasco médio (muito bem lavado ou fervido)


Preparação:


  1. Numa tábua de madeira, espalhar a planta seca e com uma faca, picar a planta (como se estivéssemos a picar salsa), a ideia é partir a planta para que consigamos extrair mais princípios activos.

  2. As medidas vão depender do tamanho do frasco, mas a regra é simples: se enchermos metade do frasco com calêndula, cobrimos completamente a planta com óleo e colocamos um pouco mais, (1 dedo por cima da planta aproximadamente).

  3. Fechar o frasco, agitar bem e já está!


Devemos esperar 3 a 4 semanas antes de filtrar o óleo, colocando o frasco num sítio com temperatura moderada, agitando todos os dias.


Outra opção, caso não queiram esperar as 4 semanas, é aquecer em banho-maria a mistura do óleo com a planta, durante 45 minutos. Deixar a arrefecer um pouco e filtrar com um pano de algodão fino (ou uma meia de vidro), espremendo bem para extrair todo o óleo. Guardar num frasco bem fechado.




NOTAS


  • Aconselho a que façam pouca quantidade, para que o óleo não fique rançoso. Outra opção é adicionar umas gotas de vitamina E ao óleo, isso irá assegurar que este se mantenha em perfeitas condições durante mais tempo.

  • Quanto mais tempo o óleo estiver guardado, mais laranja ele fica.

  • O óleo de calêndula deve ser guardado em frascos bem fechados e num local escuro (dentro de um armário é o ideal).






22 visualizações

Subscreva a NEWSLETTER e receba gratuitamente o meu eBook:  "Dicas de uma naturopata para uma vida saudável e feliz."

AQUI ou se preferir, envie uma sms ou WhatsApp para marcar consulta.

MARCAÇÕES

  • Instagram
  • Pinterest
©Naturopatia by Maria 2020

mariajoao@espacovida.net

       919 057 881
Dias úteis das 10h às 16h.

CONTACTOS